Staying alive was no jive

Sou Winston

Comedido, inexplicável. Tornar-se adulto é fazer parte do bando, da multidão de gente sozinha. Engrenagem da máquina, funcionário, cidadão padrão. O “sistema” que antes parecia só uma palavra boba em músicas de protesto se faz presente como nunca antes. Preso sem correntes, numa verdadeira detenção sem muros. É proibido olhar e sentir, é proibido ser.

Sou Winston e aprendi a odiar o Grande Irmão.